Pró Spin

Dentre todos os benefícios da prática de atividade física, o mais impactante é, no final, o bem-estar que ela proporciona. Muitas pessoas praticam esportes, treinam em academias e têm uma alimentação equilibrada. Algumas objetivam perder peso, outras, ser mais saudáveis e há aquelas, ainda, que a fazem simplesmente pelo prazer de mexer o corpo.

Mas para que todos esses benefícios sejam alcançados, independente do seu objetivo com a prática de determinado esporte, sempre existem algumas regrinhas para seguir, não é mesmo? Um tênis adequado para correr, uma roupa confortável para dançar, e assim por diante. São orientações de profissionais para que o exercício traga o mais alto nível de satisfação possível com menor risco de lesões.

E no tênis não é diferente. Uma raquete inadequada para o seu peso pode acarretar contusões sérias com o passar do tempo, como tendinites, por exemplo. Se perguntarmos para quem joga tênis sobre dores no ombro, a maioria vai dizer que já sentiu. Em uma pesquisa realizada com 400 tenistas, quase a metade respondeu positivamente – e esse número foi 30% maior quando a idade era acima dos 40 anos.

Por isso, fique atento: tanto para quem já pratica o esporte, quanto para quem está pensando em começar a treinar, aqui vão algumas dicas para por em prática na hora da compra.

Primeiro, de forma mais abrangente, conheça os três principais tipos de raquete para tênis:

– Raquete de Força ou de Iniciante

Como o próprio nome diz, sua principal característica é a força aplicada de golpe. São leves e tem a base (ou cabeça, como é chamada) maior. Também são mais compridas e mantém o peso do impacto da bola na cabeça do equipamento. São recomendados para jogadores iniciantes, que ainda estão com os movimentos mais lentos e precisam de força na jogada.

– Raquetes Intermediárias

Apresentam um mix entre a raquete de iniciante e a de performance. Majoritariamente, têm entre 227 e 310 gramas, não sendo consideradas nem leves, nem pesadas. Sua cabeça é, normalmente, mid-plus (95-102 polegadas quadradas) e têm comprimento alongado (entre 70-74 cm). São ótimas para quem já joga há algum tempo e procura facilidade no manuseio.

– Raquetes de Controle ou Performance

Utilizadas por profissionais ou por quem já treina há muito tempo, pois são tipicamente mais pesadas (326-370 gramas) e têm cabeças menores (85-98 polegadas quadradas). Também, são mais finas, flexíveis e têm seu equilíbrio focado no cabo, assim ficam mais manuseáveis e dão maior controle à situação. Porém, nesse caso, a força deve vir do jogador.

Agora, vamos focar em uma das mais importantes características que influenciam no desempenho e sensação do equipamento: o peso.

Em geral, raquetes com maior peso são mais potentes e estáveis, enquanto as mais leves são mais fáceis de manusear. E mais do que isso: elas possibilitam um “swing” mais rápido.

Até os 11 anos, a raquete deve ser trocada de dois em dois anos e ser das mais simples (alumínio ou fusionadas). Mas caso a criança jogue pra valer, aí vale trocar para um equipamento de grafite. Um ponto importante nessa fase de crescimento é estar atento ao tamanho da raquete, que é medida em polegadas, e seguir as informações abaixo, de acordo com a altura

Altura                                                                   Raquete ideal (em polegadas)

De 0,86 a 1,02                                                          19

De 1,03 a 1,19                                                          21

De 1,20 a 1,36                                                          23

De 1,37 a 1,52                                                          25-26

Para jovens entre 11 e 13 anos, com peso e estatura no padrão para essa idade, a raquete ideal deve ter até 285 gramas (sem a corda) e ter características de velocidade (ser mais larga, de equilíbrio intermediário ou mais para a cabeça do aro e de trama mais aberta das cordas). Assim, o braço do jogador dessa faixa etária não será prejudicado e o jogo deve fluir tranquilamente, sem danos à saúde.

Para adultos – tanto para quem está começando a treinar, como para quem já joga em nível intermediário – o peso ideal é em torno de 310 gramas (isso, sem a corda!). De forma geral, procure um equipamento de equilíbrio intermediário ou um pouco deslocado para uma das extremidades.

Agora, para os adultos de nível avançado, a escolha deve ser diferente: peso próximo ou superior à 310 gramas – sem corda – o que dá maior controle de bola à tacada. A raquete deve ter o equilíbrio deslocado para o cabo, trama mais fechada e uma área de cabeça de até 100 polegadas quadradas.

Após todas essas dicas, recomendamos ainda que experimente qual considere a melhor para você. Isso mesmo, jogue, treine, sinta! Verifique os diversos tipos e marcas existentes em cada categoria e descubra com qual se sente mais confortável, qual se adapta melhor ao seu corpo e estilo de jogo. Tomando todos esses cuidados, não há erro: o vencedor é você!

04/11/2014

Afinal, qual a melhor raquete para você?

Dentre todos os benefícios da prática de atividade física, o mais impactante é, no final, o bem-estar que ela proporciona. Muitas pessoas praticam esportes, treinam em academias e têm uma alimentação equilibrada. Algumas objetivam perder peso, outras, ser mais saudáveis e há aquelas, ainda, que a fazem simplesmente pelo prazer de mexer o corpo. Mas para que todos esses benefícios […]
07/10/2014

Pró Spin será a loja oficial da Copa Davis Brasil x Espanha

Graças a uma parceria com a CBT (Confederação Brasileira de Tênis) e FPT (Federação Paulista de Tênis), a Pró Spin adquiriu o direito de vender os produtos licenciados do confronto Brasil x Espanha do maior torneio internacional de tênis: A Copa Davis. A linha de produtos foi desenvolvida pela Tennis4Life e conta com camisetas, bonés, chaveiros e toalhas especialmente confeccionados para o […]
18/09/2014

Wilson e Pró Spin anunciam os vencedores do sorteio realizado na Copa Davis

Quem faturou a nova raquete de Roger Federer “Wilson Pró Staff 97 Autograph” foi: Elizabete Ono Quem ganhou a Raqueteira Wilson Federer X6 preta e vermelha foi: Bernardo Chidelli   A Mochila Wilson Federer Preta e Vermelha foi para: Edson Junqueira  E os ganhadores dos super kits com produtos Wilson foram: Otto Vaz Edna Navarro Albert Franco Henrique da Rocha […]
09/09/2014

Wilson e Pró Spin sorteiam a Nova Raquete de Roger Federer

O Brasil receberá a Copa Davis de Tênis entre os dias 12 e 14 de setembro, com o esperado confronto Brasil vs Espanha, que será realizado no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Na ocasião, a loja virtual Pró Spin, representante exclusiva dos produtos deste grande evento do tênis internacional, se unirá à marca Wilson, patrocinadora da Copa Davis, para […]
20/08/2014

O histórico do Brasil na Copa Davis

Passaram-se trinta e cinco anos desde sua primeira edição para que seis brasileiros fizessem sua estreia na Copa Davis. O ano foi 1935, quando Inácio Nogueira, Roberto Whately, Humberto Costa, Nélson Cruz, Ivo Simons e Ricardo Pernambuco disputaram a Zona Americana do torneio, mas foram desclassificados pelos Estados Unidos. Mas em 1966 o Brasil conseguiu reconhecimento internacional no torneio. Chegamos […]