Quadra

Conheça cinco quadras de tênis gratuitas no Brasil

O preço do aluguel das quadras de tênis não pode ser desculpa para deixar a prática do esporte de lado, afinal, diversos espaços gratuitos em parques públicos estão disponíveis para quem quiser jogar. São diversas quadras de saibro, sintéticas ou de cimento em ótimo estado.

Selecionamos cinco quadras brasileiras totalmente gratuitas para que você jamais abandone seus treinos. Portanto, separe a raquete, as bolinhas, sua munhequeira, o uniforme, e mãos à obra!

Parque Villa Lobos – São Paulo/SP

Como os demais parques paulistanos, o Villa Lobos também lota aos fins de semana. É comum, por exemplo, encontrar pessoas com seu próprio equipamento esperando uma oportunidade para jogar. As seis quadras são descobertas (mas uma é oficial). As partidas devem ter cerca de 40 minutos. Vale o bom senso e a negociação com os interessados. Quem sabe não rola um entrosamento para a formação de duplas? Dizem as boas línguas dos praticantes do esporte que as quadras desse parque estão entre as melhores da categoria gratuita da cidade.

Lagoa Rodrigo de Freitas – Rio de Janeiro/RJ

Apreciar a paisagem maravilhosa da Lagoa Rodrigo de Freitas e ainda usufruir de uma infraestrutura gratuita para jogar tênis é um dos maiores prazeres dos praticantes do esporte na capital carioca. São quatro quadras sintéticas, espalhadas pelos 204 mil metros do entorno da Lagoa. Como a procura é alta, vale chegar cedo para aproveitar o passeio até chegar às quadras. Além disso, é possível fazer uma boquinha antes e depois dos exercícios. É preciso levar sua própria raquete, bolinhas de tênis e munhequeiras. Prepare o uniforme e treine enquanto desfruta de uma das melhores vistas do mundo.

Parque das Mangabeiras – Belo Horizonte/MG

Localizado aos pés da Serra do Curral – patrimônio da cidade de Belo Horizonte –, o Parque das Mangabeiras oferece duas quadras sintéticas aos amantes do tênis. Além disso, circular entre bromélias, camélias, exemplares da flora da Mata Atlântica e respirar o ar puro dos quase 1,3 mil metros de altitude em relação ao nível do mar é muito prazeroso. O local funciona entre terças-feiras e domingos, sempre das 8h às 18h. O tenista precisa levar seu próprio equipamento e não são oferecidas aulas de tênis no local.

Boca do Rio – Salvador/BA

As cinco quadras de tênis sintéticas e o paredão de squash funcionam na Boca do Rio, em Salvador, todos os dias, de segunda à sexta-feira, das 6h às 22h e aos fins de semana das 6h às 18h, sempre com intervalos para almoço entre 12h e 14h. O horário extenso permite que seu treino seja feito na hora em que for melhor para você. Não sabe jogar ou está bem no começo? Não há desculpas para o desânimo: dizem os frequentadores mais assíduos que no local sempre tem gente com boa vontade para ensinar, ajudar nos treinos e colaborar com a melhoria de seu desempenho. Assim como os anteriores, o espaço não disponibiliza materiais.

Parque José Montaury – Porto Alegre/RS

Conhecido popularmente por Caixa D’água, o Parque José Montaury possui três quadras de saibro e um paredão para squash. Apesar de também não oferecer materiais, o local foi pensado especialmente para treinos. Além disso, oferece, em alguns finais de semana, aulas gratuitas para os praticantes iniciantes e até para os mais experientes. Não é difícil encontrar tenistas consagrados dando sua palhinha por lá, simplesmente pelo prazer de repassar seus conhecimentos. É administrado pela prefeitura de Porto Alegre e fica aberto diariamente até às 22 horas. Um verdadeiro achado em meio ao trânsito caótico da região!

15/07/2014

Conheça cinco quadras de tênis gratuitas no Brasil

Conheça cinco quadras de tênis gratuitas no Brasil O preço do aluguel das quadras de tênis não pode ser desculpa para deixar a prática do esporte de lado, afinal, diversos espaços gratuitos em parques públicos estão disponíveis para quem quiser jogar. São diversas quadras de saibro, sintéticas ou de cimento em ótimo estado. Selecionamos cinco quadras brasileiras totalmente gratuitas para […]
14/11/2013

Conhecendo a bola de tênis

Atualmente as bolas de tênis são fabricadas em grande escala, já que as grandes marcas chegam a vender mais de 50 milhões, cada uma delas. Para uma bola ser oficializada pela Federação Internacional, ela precisa passar por testes especiais, incluindo o teste de deformação. De maneira geral, além das dimensões, uma bola deve saltar entre 53 e 58 polegadas (entre […]