Por Dentro do Tênis

Ranking da ATP

A Associação dos Tenistas Profissionais (Association of Tennis Professionals – ATP) foi criada em 1972 para regulamentar os interesses dos jogadores masculinos de tênis e desde então a Associação organiza os mais importantes torneios mundiais do esporte. Neste mesmo ano, as mulheres praticantes do tênis constituíram a Associação de Tênis Feminino (WTA), com o mesmo objetivo.

A ATP apresenta cinco categorias de torneios de tênis:

Grand Slam

1 – ATP World Tour Masters 1000

2 – ATP World Tour 500 Series

3 – ATP World Tour 250 Series

4 – Challenger

Desde 2009, a ATP alterou as nomenclaturas dos seus torneios para facilitar o entendimento das pessoas que acompanham o esporte e assim, a ATP agrupou os torneios em ATP 250 (que dá 250 pontos ao vencedor), ATP 500 (500 pontos) e ATP World Tour Masters 1000 (1000 pontos). A entidade estabeleceu ainda que os quatro Grand Slams (Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open) dariam 2000 pontos aos ganhadores.

Os tenistas ganham pontos de acordo com seu desempenho nos torneios indicados acima, no entanto, o ranking da ATP de pontos leva em consideração o desempenho do tenista no ano anterior.

Exemplificando, o campeão de um Grand Slam, teoricamente, ganharia 2.000 pontos no ranking. Mas, utilizando os critérios do ranking, seria preciso analisar o desempenho do campeão no ano anterior. Se o tenista tivesse sido bicampeão, ou seja, se ele tivesse ganhado o mesmo torneio no ano anterior, ele não acrescentaria sequer um ponto. Então, podemos dizer que o tenista está defendendo os pontos? Sim, pois caso ele ficasse no meio do torneio, além de não ganhar, ele perderia pontos.

Por isso escutamos os tenistas falando o mais difícil não é chegar ao topo, mas, se manter lá. Então, o primordial é manter o nível alto!

Se há um padrão para a distribuição dos pontos, também há um para os prêmios em dinheiro pagos aos jogadores. Apesar de a ATP não ter uma fórmula exata, ela divulga, ao final de cada ano, como dividir os valores de acordo com as rodadas em seu manual de regras.

19/06/2015
Ranking da ATP

Você sabe como funciona o ranking e pontuação da ATP?

Ranking da ATP A Associação dos Tenistas Profissionais (Association of Tennis Professionals – ATP) foi criada em 1972 para regulamentar os interesses dos jogadores masculinos de tênis e desde então a Associação organiza os mais importantes torneios mundiais do esporte. Neste mesmo ano, as mulheres praticantes do tênis constituíram a Associação de Tênis Feminino (WTA), com o mesmo objetivo. A […]
12/05/2015
Tênis

Mitos e Verdades do Tênis

O tênis trás consigo muitos mitos que foram perpetuados ao longo de muitos anos. Abaixo está uma lista dos mais comuns e conhecidos mitos sobre esse fantástico esporte. Saiba mais sobre esses temidos mitos e descubra uma infinidade de verdades para assim melhorar e muito o seu jogo! Trazer a raquete para trás assim que você visualizar a bola vindo […]
10/04/2015
Antidoping

As Maiores Tenistas da História

As Maiores Tenistas: O Tênis é para elas também! Selecionando um “TOP 10” para qualquer coisa pode ser uma tarefa difícil e subjetiva. Tão difícil quanto eleger os melhores jogadores de tênis masculino é eleger as melhores tenistas de todos os tempos. Tivemos tantas grandes tenistas ao longo dos últimos 50 anos, e sem levar em consideração as grandes jogadoras […]
09/12/2014
Comparador de Raquetes

Head e sua Importância no Tênis

Frustrado com o peso e a qualidade dos esquis de madeira dos anos 40, Howard Head, um engenheiro aeronáutico, resolveu desenvolver seu próprio equipamento para praticar o esporte. Pouco tempo depois, em 1950, ele inovou ao criar o que chamou de “Head Standard Ski”, feito de tiras de alumínio e extremidades de metal, com revestimento em plástico. Entrava no mercado […]
11/11/2014
Wilson

A marca Wilson e sua história no esporte

Marca Wilson Já ouviu falar da Wilson? Se você acha que não, saiba que há uma grande chance de, pelo menos, ter tido contato com a marca – de alguma forma. Alguma vez na vida jogou futebol americano? Tênis? Baseball? Ou ainda – e mais frequente no Brasil – basquete? Se sim, a chance é maior ainda, pois a marca […]