O que esperar do circuito masculino em 2018?

Natal Pró Spin
O melhor presente de Natal está na Pró Spin
14/12/2017
Australian Open
O que aconteceu de melhor no Australian Open 2018
30/01/2018

O que esperar do circuito masculino em 2018?

Circuito 2018

O ano mal começou e já estamos às vésperas do primeiro Grand Slam do ano, o Australian Open. E, assim como no ano passado, está bem difícil prever o que vai acontecer no Happy Slam. O mundo do tênis já estava de braços abertos para os retornos de Djokovic, Murray e Wawrinka, mas, em vez disso, os fãs de tênis receberam dois baldes de água fria: Djoko deixou a chave de Doha e Murray desistiu de Brisbane e já anunciou que não jogará em Melbourne.

Não é segredo para ninguém que Djokovic em circunstâncias normais pode bater qualquer um em qualquer superfície, tanto é que já fez isso por alguns anos. No entanto, desde que fechou o Career Slam em 2016, não conseguiu mais dominar o circuito e, por muitas vezes, ficou bem longe de seu melhor tênis. Seu retorno é o que traz mais expectativas, porque ninguém sabe ao certo como Nole vai retornar.

Murray, por sua vez, não chegou a dominar o circuito como seus principais adversários, mas era o número 1 do mundo quando começou a sofrer com dores e viu seus resultados caírem drasticamente em 2017. Apesar de seu retorno não ter uma data certa, a partir do momento em que estiver saudável, é candidato a ir longe em qualquer torneio que disputar.

E as lendas?

Número 1 e 2 do mundo, respectivamente, Nadal e Federer também não são garantias de sucesso para 2018. Parece até uma heresia dizer isso depois das lendas terem dominado 2017, mas Nadal sofreu com algumas lesões no final do ano anterior e Federer tem escolhido a dedo seus torneios, com certo receio de sua lesão nas costas voltar a incomodar. Obviamente, as duas lendas entram como favoritos a conseguirem ir longe no primeiro Grand Slam do ano, mas é preciso ter cautela.

Quem corre por fora

Não são poucos os tenistas que podem causar problemas ao big 4. Wawrinka, Del Potro, Zverev, Kyrgios, Thiem e Dimitrov são nomes que podem desbancar os favoritos já no primeiro Grand Slam. E não são apenas esses, sacadores, como Sock e Isner, e jogadores de base, como Goffin e Carreno Busta também podem trazer desgaste aos favoritos.

O fato é que o circuito masculino está novamente imprevisível, assim como no ano passado. Federer e Nadal conseguirão manter o nível de 2017? Djokovic, Murray e Wawrinka voltarão em alto nível? Zverev e Dimitrov brigarão por Slam nessa temporada? Kyrgios vai levantar taças ou criar polêmicas? São muitas as questões, e as respostas todos verão a partir de agora.

 

Imagem: AtpWorldTour/Divulgação

Pró Spin
Pró Spin
Somos a Pró Spin, uma loja virtual pioneira na venda de artigos esportivos pela internet que hoje pertence a um grupo empresarial chamado PS Esportes. A Pró Spin nasceu da necessidade de se adquirir produtos de qualidade e procedência no mercado eletrônico. Hoje é destaque no competitivo mercado online por respeitar o consumidor, oferecendo ótimas condições de pagamento, ofertas exclusivas, além de muita variedade de produtos de extrema qualidade.